Conhecendo o Porto: o que mudou?

O Porto é totalmente diferente de Lisboa, mas reserva ao visitante uma experiência única. Para começar o centro das duas cidades são em tudo diferentes: a baixa no Porto é íngreme com ruas apertadas, já em Lisboa esta zona é plana e tem ruas mais largas; o rio Douro é estreito e Vila Nova de Gaia fica logo ali com os seus bares e caves do vinho do Porto, mas em Lisboa o Tejo é imensamente largo e mal se avista o outro lado; no Porto a grande parte das igrejas e edifícios de interesse histórico estão concentrados neste pedaço, mas em Lisboa tudo é mais disperso desde Belém à Expo.

A Baixa Portuense

Desde há muito tempo que o Porto era conotado como uma cidade séria e trabalhadora. Aliás, dizia-se que os tripeiros (as gentes do Porto) trabalhavam enquanto os mouros (as gentes de Lisboa) se divertiam. Havia um certa falha quando se falava de glamour em relação ao Porto na verdade. Mas nos últimos anos, com a explosão do turismo, estas imagens desvaneceram-se e a Cidade Invicta – como o Porto é conhecido – transfigurou-se totalmente. Abriram novos hotéis design, lojas da moda, galerias de arte, cafés e restaurantes trendy. E para consolidar ainda mais esta imagem o Porto ganhou em 2017 o primeiro lugar nos melhores destinos europeus (veja o video aqui).

Igreja dos Clérigos

Geograficamente o Porto tem uma vantagem sobre Lisboa porque está mais perto de grandes centros urbanos, logo de turistas. Enquanto a zona espanhola mais próxima de Lisboa é a Extremadura, uma região menos populosa, mais pobre e com poucas cidades de destaque, o Porto consegue ficar perto de cidades como Salamanca, toda a região da Galiza e de cidades como Vigo, Santiago de Compostela e Coruña e até a capital Madrid fica mais perto que de Lisboa. E naturalmente, por ser mais a norte, também fica mais perto de grandes cidades europeias como Londres ou Paris.

O Porto conquistou nos últimos anos o seu lugar no pódio das melhores cidades para visitar em Portugal e é agora um dos spots mais disputados pelos turistas. Com a Ribeira, os seus monumentos, a sua gastronomia, os seus vinhos mundialmente conhecidos, a maneira como os portuenses vivem a vida, o Porto está cada vez mais na moda. A cidade continua repleta de charme e orgulhosa das suas tradições, mas afirma-se hoje em dia como uma metrópole em movimento, repleta de lugares emblemáticos e com uma oferta hoteleira e gastronómica impressionante.

Porto à noite

O Porto é uma cidade vibrante e cheia de bons motivos para uma visita, tornando-se nos últimos anos uma das cidades da Europa ocidental que mais despertou a atenção. É atualmente um destino perfeito cheio de coisas para ver e fazer, mas continua acessível e compacto para se conseguir visitar bem num fim-de-semana alargado.  E se tiver um tempo extra e quiser fugir um pouco à vibe portuense, fazer a rota do vinho do Porto, visitar Guimarães ou ir até Braga são tudo experiências incríveis.